Passo a passo completo para tirar visto para Portugal

Por:
Rogério Bertoldo
17/7/2024
|
Atualizado em
9/2/2024
15 min de leitura

Você busca conseguir um visto para Portugal? O país europeu é um dos principais destinos de viagem dos brasileiros. E também é uma das escolhas favoritas para morar, estudar ou trabalhar fora do Brasil.

Seja pela língua semelhante, seja pela cultura, a “terrinha” é a opção de muitos viajantes. Tanto é que já tem mais de 400 mil brasileiros vivendo em território português.

Se você está planejando uma viagem para terras lusitanas e ainda não sabe como tirar visto para Portugal, leia o nosso passo a passo completo. Ele tem todas as dicas para facilitar a sua vida na hora de solicitar a permanência no país. Confira!

Quais são os tipos de visto para Portugal?

Antes de mais nada, é sempre bom saber que, se você pretende viajar para Portugal como turista, não precisa tirar visto. Isso porque os brasileiros podem permanecer no país por até 90 dias sem a necessidade de documentação específica.

Mas se você está planejando ficar mais tempo ou até mesmo se mudar para Portugal, é preciso solicitar um visto de autorização para permanência no país.

Os tipos de visto para Portugal variam de acordo com o seu objetivo em terras lusitanas e o tempo que você vai permanecer no país europeu. Para brasileiros, eles podem ser divididos em:

  • Visto de estada temporária: válido por menos de 12 meses
  • Visto de residência: é utilizado para ficar 1 ano ou mais

Dentro dessas classes, existem vários tipos de visto para Portugal. Acompanhe os principais.

Visto para estudantes

O visto para estudantes é de longa duração, 1 ano ou mais. Ele é conhecido como D4 e vale para o ensino superior, intercâmbio e estágios profissionais. Para quem pretende ficar menos tempo, é possível solicitar o de estada temporária para estudo.

Visto para trabalho

O visto de trabalho para Portugal é conseguido por meio de um contrato já firmado ou uma promessa. Você também pode fazer a solicitação em caso de atuação independente, mas isso requer um contrato de prestação de serviços ou de sociedade.

Caso você queira procurar um emprego, existe um visto de trabalho para Portugal específico. Ele tem validade de 120 dias e é possível renová-lo por mais 60 dias.

Visto de rendas próprias

O visto de rendas próprias é voltado para pessoas que têm uma renda e conseguem arcar com o custo de vida em Portugal. Esse é o caso de aposentados, investidores etc. Para conseguir o visto, é preciso ter uma renda mínima, conforme a situação.

Visto para nômades digitais

O visto para nômades digitais é específico para quem trabalha de forma remota. Ele tem opções para estadia temporária (menos de 12 meses) ou residência (mais de 12 meses). É preciso comprovar renda mensal correspondente a 4 salários mínimos de Portugal.

Leitura recomendada: O que fazer em Lisboa? Conheça as melhores atrações da capital portuguesa.


Documentos necessários para solicitar um visto para Portugal

Dependendo do tipo de visto que você vai solicitar, é preciso apresentar uma série de documentos para que a sua entrada e permanência em Portugal sejam autorizadas.

Primeiramente, você precisa estar com o seu passaporte em dia e atualizado. E também com a documentação específica para a atividade que você  pretende realizar.

Ou seja, se você for estudar, precisa da carta de aceite da escola ou universidade. Se for para trabalhar, é necessária a recomendação da empresa. Se for para investir, você precisa dos comprovantes da sua aplicação financeira. E assim por diante.

Além desses documentos específicos, você também precisa separar alguns papéis. Geralmente, os documentos necessários para solicitar um visto para Portugal são:

  • Formulário de pedido de visto;
  • Duas fotos 3x4 recentes;
  • Cópia do passaporte;
  • Comprovante de seguro de viagem ou PB4;
  • Certidão de antecedentes criminais emitida pela Polícia Federal;
  • Autorização para consulta do Registro Criminal Português pelo SEF;
  • Comprovante de renda;
  • Comprovante de moradia em Portugal pelo tempo da viagem.


Como tirar visto para Portugal: passo a passo

Agora você deve estar se perguntando: mas como tirar visto para Portugal? Separamos um passo a passo completo para que você não se perca em meio à   burocracia e consiga a sua autorização da maneira mais rápida possível. Veja só!

  1. Acesse o site da VSF Global, a parceira oficial do Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal;
  2. Leia as instruções do processo de pedido de visto e se atente a todos os detalhes solicitados pela empresa;
  3. Escolha o tipo de visto que você pretende solicitar e confira com atenção a documentação exigida;
  4. Junte todos os documentos necessários, incluindo originais e cópias, e anexe ao pedido;
  5. Preencha e assine o Formulário de Pedido de Visto referente ao tipo de visto desejado;
  6. Pague as taxas relativas ao seu pedido;
  7. Entregue toda a documentação e o comprovante do pagamento das taxas no escritório da VFS que atende a sua região, presencialmente e com horário agendado (o site traz os contatos dos escritórios em São Paulo, no Rio de Janeiro, em Brasília, em Nova Lima e Salvador).

Cerca de 15 dias após o envio da documentação, você receberá um e-mail com as informações para acompanhar o andamento do seu pedido. O prazo médio do processo é de 60 dias depois do envio de todos os documentos corretamente.


Como tirar visto de trabalho para Portugal

Agora, se a sua dúvida é sobre como tirar visto de trabalho para Portugal, saiba que o processo é semelhante aos demais e também é feito pelo site da VFS Global.

Nesse caso, é preciso reunir a documentação, selecionar o tipo de visto de trabalho e encaminhar o pedido, além de fazer o pagamento da taxa correspondente. A saber: o pedido de visto de trabalho em Portugal custa atualmente R$ 661,38.

Leitura recomendada: Roteiro de viagem para Portugal.


ETIAS: o que muda para turistas que vão a Portugal

O ETIAS é o Sistema Europeu de Informações e Autorização de Viagem a ser implementado em 2025. Ele exigirá que os turistas tenham uma permissão de viagem, mesmo sem precisar saber como tirar visto para Portugal.

Essa será uma exigência para todo turista, que deverá apresentar alguns documentos ao passar pela imigração no aeroporto. Isso significa que brasileiro precisa de visto para Portugal? Não, pelo menos, pelo período de 90 dias.

Em outras palavras, será possível ainda entrar no território português sem o documento, mas será necessário ter a autorização de viagem ETIAS e o passaporte. Essa vai ser a obrigatoriedade para morar no exterior a partir de 2025, se o seu destino for a “terrinha”.


Como renovar visto para Portugal: confira o que muda

‍Se você quer saber como renovar visto para Portugal, aí vai uma boa notícia. Em dezembro de 2023, uma regulamentação foi anunciada com a renovação automática para todos os imigrantes que integram a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

No entanto, até 4 de fevereiro de 2024, ela não foi sancionada pelo presidente, Marcelo Rebelo de Sousa, por isso, é preciso esperar. A expectativa é que a aprovação ocorra em breve.

Assim que estiver válida, será definido por quanto tempo vai valer o visto de trabalho para Portugal e o prazo para todas as categorias. Por enquanto, ainda não se tem essa informação, mas já é sabido que o processo não dará direito à cidadania.

Outro detalhe é que haverá limitações para pessoas com antecedente criminal. De toda forma, a nova regulamentação vai facilitar a permanência de estrangeiros.

Até a sanção dessa nova regra, para saber como renovar visto para Portugal, era preciso comparecer aos balcões de atendimento do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), que foi descontinuado.

Esse órgão foi substituído pela Agência da Integração, Migrações e Asilo (AIMA). Ele tem uma função um pouco diferente e não atende apenas os casos em que se precisam de visto para Portugal. Isso justifica a facilitação do processo.


Dicas para facilitar a aprovação do seu visto para Portugal

Conforme explicamos, o pedido de visto para Portugal precisa ser feito com atenção, uma vez que requer o envio de vários documentos importantes. Nessa hora, vale a pena montar um checklist com o passo a passo que apresentamos.

Mas se você ainda tiver dúvidas sobre como tirar visto para Portugal, lembre-se de alguns pontos cruciais para facilitar a aprovação do seu visto, como:

  • Escolher o tipo de visto que se encaixa ao seu perfil de viagem;
  • Preencher todo o formulário de solicitação de visto corretamente;
  • Separar e organizar os documentos necessários com atenção;
  • Acompanhar o andamento do seu pedido pelo site;
  • Preparar-se para a entrevista no consulado.

Leitura recomendada: Tudo o que você precisa saber sobre o fuso horário lusitano

Viu só como a organização e o planejamento podem ser grandes aliados na hora de solicitar o seu visto para Portugal? Agora que você já sabe quais são os tipos de visto disponíveis, quais os documentos necessários e como tirar visto para Portugal, é só fazer as malas e aproveitar as terras lusitanas!

Então, o que acha de se mudar para o país europeu? Veja a lista completa das melhores cidades para morar em Portugal e comece a se programar.

Compartilhe: